Make your own free website on Tripod.com
    
               SINAIS DOS TEMPOS 

  RETORNAR PARA A PÁGINA ESTUDOS

 RETORNAR PARA A PÁGINA  INICIAL

XV – Do Sábado para o Domingo -  & Dan. 8:12. 

No princípio Deus criou o mundo em seis dias e após toda a criação dos seis dias criou mais uma coisa: o Sétimo dia -  E abençoou Deus o dia sétimo e o santificou; porque nele descansou de toda a obra que, como Criador, fizera. (Gênesis 2:3 RA). Sobre este dia Ele falou a Moisés: É sábado de descanso solene para vós outros, e afligireis a vossa alma; é estatuto perpétuo. Lev. 16:31. E disse mais:  Porque Eu, o SENHOR, não mudo...Mal. 3:6.

Mas, nos dias de hoje o homem deixou de guardar o Sábado trocando-o pelo domingo, o primeiro dia da semana... Trocou um dia santificado, memorial da criação, por um dia pagão – dia do sol – dando a este uma pseudo razão religiosa: a ressurreição de Cristo! Mas, então por que não o dia de sua crucifixão (sexta-feira) que marcou o Seu sacrifício pelo meu, pelo seu, pelos nossos pecados! Caros irmãos, o sábado fora instituído por Deus no Éden, amplamente testificado pelas sagradas escrituras... Portanto, se Deus autorizou a troca do sábado para o domingo, terá que estar registrado nas sagradas letras, não é?

        No Novo Testamento encontramos 8 vezes a expressão: o primeiro dia da semana – hoje, batizado pela igreja papal, domingo, ou seja: dia do senhor; mas, conhecido pelos ocidentais como o dia do sol: sunday. Leia atentamente estes textos e verifique se tem algo autorizando a tal mudança:

& Mat. 28:1; Mar. 16:2, 9; Luc. 24:1; João 20:1, 19; Atos 20:7; I Cor. 16:2.

Em nenhuma dessas passagens lhe é atribuído qualquer significado religioso. O Sábado, ao contrário, é mencionado 59 vezes, sendo usada a palavra “sabaton”, que significa “repouso”. E tem mais, Jesus ao ressuscitar ficou ainda  40 dias instruindo Seus discípulos sobre o estabelecimento da Sua igreja e, no entanto, não disse que o sábado foi transferido para o domingo por causa da Sua ressurreição... O ser humano, a despeito de Deus ter proibido qualquer mudança em Sua palavra – Apoc. 22:18 – substituiu o Sábado Santificado e Abençoado por Deus, o Criador! Em tempo, Cristo guardou o Sábado na sepultura... Veja o que Daniel falou sobre o poder iníquo: Proferirá palavras contra o Altíssimo... e cuidará em mudar os tempos e a lei... Dan. 7:25.

        Vejamos como isto aconteceu: Em 321 d.C. ocorreu a conversão nominal do Imperador Constantino ao cristianismo (foi uma manobra política para lhe assegurar a permanência no governo de Roma). No dia 7/3/321 ele assinou o famoso edito dominical que iria abrir as portas das leis dominicais do papado e no concílio de Laodicéia a Igreja romana transferiu definitivamente a solenidade do sábado para o domingo. Porem, as razões de Constantino para a adoração do domingo foi que ele, um pagão, cultuava o Deus Sol justamente neste dia! A igreja, para continuar a ter o apoio do Imperador aceitou primeiro, guardar o sábado e o domingo e posteriormente fez a troca definitiva por razões escusas...

Como vimos, não há razões bíblicas para a mudança do Dia do Senhor (Apoc. 1:10) e, portanto, deveremos continuar a guardar o dia santificado e abençoado por Deus...

Vejamos como devemos proceder neste sagrado dia:

& Êxo. 16:22e23; & Lev. 23:32; & Êxo. 20:10; & Mat. 12:12.

         Que devo fazer: 1 – Obedecer fielmente o que Deus manda (Tiago 4:17). 2 – Confiar plenamente em Jesus Cristo (Fil. 4:13). O Culto Sabático: A parte central da celebração do sábado é o culto de adoração a Deus, pela manhã. Estuda-se a Palavra de Deus, ouve-se um sermão, e os fiéis participam ativamente por meio dos cânticos, das orações, da leitura da Bíblia e das ofertas... À tarde, damos continuidade aos trabalhos missionários desenvolvidos durante a semana...

 

Minha Decisão: DECIDO GUARDAR FIELMENTE O SANTO SÁBADO, SEGUINDO O EXEMPLO DE Jesus

                                           

                                                    RETORNAR PARA O INÍCIO DESTA PÁGINA

                                                        RETORNAR PARA A PÁGINA ESTUDOS

                                                        RETORNAR PARA A PÁGINA  INICIAL